0003a8z4

 

Março 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
31
0007qwpe
0003c6aa
Perfil

0009wcqzNome: Sofia Silva

0009wcqzSigno: Sagitário

0009wcqzCidade: S. João da Madeira

0009wcqzPais: Portugal

0009wcqzMúsica preferida: Brasileira 

0009wcqzCor preferida: Azul

0009wcqzAnimal preferido: Golfinho

0009wcqzGosto de: Namorar, navegar na net, sair com os amigos...

0009wcqzNão gosto de: Mentiras

0009wcqzSou: Simpática, divertida...



0003bbp8 Leitores online: online
Leitores que já passaram aqui:
contador de visitas
contador de visitas

Que horas são!!

0003d2fw

"Sou feliz, obrigada..."

Páscoa 23 de Março

DIA DA MULHER : ELA É O M...

Desabafo... :(

Olá... Ano Novo Vida NOva...

"Call Girl" Filme de suge...

Parabens!!

Mês de natal...Será??

Colonia de ferias da torr...

Quim Roscas & Zeca Estaci...

Prémio da amizade

Lagrima...

0003effg

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

0003qyay

0003fwxw

 


;
Image Hosted by ImageShack.us
Image Hosted by ImageShack.us





00059e3x.jpg
Diario da Taninha


Facebox_estrela
 

Tou Aqui 42



Alvafaust


kaskaedeskaska

Image Hosted by ImageShack.us





Cantigas de Amigo




Gritos_Mudos


Coura Magazine


Mar.da.Palha

Top Link 


100 Tretas


Cantinho do Igor

versatilidades.jpg

Quase história de amor
 
 
 
 



Ooº ℓιттℓє_αиgєℓ ºoO



A mim ninguem me cala

Os Dias que passam


Analises

Sunshine

#__________ αяαυנα

0003p6y1

O teu prémio




:: LINK-ME ::


0003kc9d








Mariposa









...NOMEAÇOES... 0009qt81










0003he7w
Tânia Mara - Se quizer
Choram as rosas - Bruno e Marrone
Quando a chuva passar - Ivete Sangalo
Fado do encontro - tim e Mariza
blogs SAPO

0003rywp

Quinta-feira, 2 de Novembro de 2006

O desejo de um Bombeiro...

 

O BOMBEIRO NÃO PRECISA DE NOTORIEDADE;
PRECISA SIM, DE RECONHECIMENTO!
 
 
Também não sei quem é o autor...
Também não me importa se é homem ou mulher...
Também não me incomoda o facto de ser branco ou negro...
Muito menos me incomoda o facto de católico ou protestante...
O que me incomoda, isso sim, é o facto de ser um incondicional entusiasta do trabalho dos BOMBEIROS e estes serem tão ignorados!

 
O desejo de um Bombeiro...

Desejava que pudesses ver a tristeza de um homem de negócios quando o
trabalho da sua vida desaparece em chamas ou uma família que regressa a casa
e apenas encontrar a sua casa e os seus pertences danificados ou destruídos.

Desejava que pudesses saber o que é procurar num quarto a arder por crianças
presas... As chamas por cima da tua cabeça, as palmas das mãos e os joelhos
a queimaram enquanto tu rastejas... O chão a ranger com o teu peso, enquanto
a cozinha arde por baixo de ti. Desejava que pudesses compreender o horror
de uma esposa quando às 3 da manhã verifica que o marido não tem pulso...
Inicio o S.B.V. (suporte básico de vida) no mesmo, esperando uma hipótese
muito remota de trazê-lo de volta... Sabendo instintivamente que era tarde
demais...

Mas querendo que a família soubesse que tudo o que era possível foi feito.
Desejava que pudesses saber o cheiro único de uma queimadura, o gosto da
saliva com sabor a fuligem... Sentir o intenso calor que passa através do
equipamento, o som dos estalos das chamas, a sensação de não conseguir ver
absolutamente nada através do fumo denso... Sensações que se tornaram muito
familiares para mim...

Desejava que pudesses compreender como nos sentimos ao ir para o trabalho de
manhã após passarmos a maior parte da noite suando com o calor de diversas
chamadas de fogo...

Desejava que pudesses ler o meu pensamento quando respondo a uma chamada
para um edifício a arder, "Será falso alarme ou um enorme incêndio? Como
será a construção do edifício? Que perigos esperam por mim? Estará alguém lá
dentro ou saíram todos?"

"Ou para uma chamada de socorro," o que se passará com o doente? Será que a
pessoa que telefonou está mesmo em apuros ou estará à minha espera com uma
arma?".

Desejava que pudesses estar na sala de reanimação quando o médico decide
anunciar a morte da linda menina de cinco anos que tenho tentado salvar
durante os 25 minutos anteriores, e que nunca irá ter o seu primeiro
namorado, nem nunca mais irá dizer "gosto muito de ti, mãe"...

Desejava que pudesses saber a frustração que sinto na cabina do autotanque,
o motorista com o acelerador a fundo, o meu braço a tocar a sirene vezes sem
conta quando não se consegue passar por um cruzamento ou no meio do
transito. Quando vocês precisam de nós, no entanto, o primeiro comentário
quando chegamos será "levaram muito tempo para cá chegar".

Desejava que pudesses ler os meus pensamentos enquanto ajudo a retirar os
restos de uma jovem do seu veiculo contorcido, "e se fosse a minha irmã, a
minha namorada ou alguma amiga? Qual será a reacção dos seus pais quando
abrirem a porta e verem os policias?"

Desejava que pudesses saber como é entrar em casa e cumprimentar a família
não tendo coragem para lhes dizer que quase não voltei da ultima chamada.

Desejava que pudesses sentir os meus sentimentos quando as pessoas
verbalmente, e às vezes fisicamente, nos maltratam ou subestimam o que
fazemos, ou quando têm a atitude "isto nunca me aconteceria".

Desejava que pudesses perceber a instabilidade mental, emocional e física de
refeições perdidas, sonos perdidos e a falta de actividades sociais
associadas todas as tragédias que os meus olhos já viram.

Desejava que pudesses saber a irmandade que existe e a satisfação de ajudar
a salvar uma vida, a preservar as coisas de alguém, a estar "lá" nos tempos
de crise ou a criar ordem quando existe um caos total.

Desejava que pudesses compreender como nos sentimos quando temos uma criança
a puxar-nos o braço e a perguntar "a minha mãe está bem?" sem sequer de
conseguir olhar nos seus olhos sem deixar cair umas lágrimas e sem saber o
que responder. Ou ter de segurar um amigo de longa data enquanto o seu
companheiro vai na ambulância a receber respiração boca-a-boca. Sabendo de
antemão que ele não trazia o cinto de segurança posto. Sensações que me
ficaram muito familiares...

A menos que tenha vivido este tipo de vida, nunca conseguirás entender
verdadeiramente ou apreciar QUEM EU SOU, O QUE NÓS SOMOS OU O QUE O

NOSSO TRABALHO SIGNIFICA REALMENTE PARA NÓS…Desejava que pudesses....

Obs.- Não sei quem é o autor, foi-me enviado pelo Nuno Encarnação dos BV
Sintra, não podia deixar de reenviar para todos os meus contactos pois todos
nós Bombeiros certamente desejamos o mesmo.
Cump. a todos
Paulo Silva - BM Tomar
Com os meus melhores cumprimentos
 
António M. Almeida
 
Visite-nos em www.decimal.pt
e também em www.sirene.pt 
sinto-me:
publicado por _estrelinha_ às 09:40
link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De js a 2 de Novembro de 2006 às 12:20
...num dos meus artigos ...em que conto as tropelias pelas quai passei com o meu pai devido aos problemas de saúde que tem tido, agradeço aos Bombeiros Voluntários de Arruda dos Vinhos, pois se não tivessem sido estes a socorrer prontamente o meu pai e se eu ficasse à espera do inem o meu pai teria felecido pos ter atingido niveis incomportáveis de hipoglicémia (situação que eu desconhecia porque ele normalmente tinha tendencia para ter os diabetes altos)... pois apesar de eu viver a meia distância entre Vila Franca de Xira e Arruda dos Vinhos a cerca de 7 km de qualquer uma destas localidades, a menos de 40 Km de Lisboa, a equipa do inem chamada ao local, mesmo com as indicações que os bombeiros de arruda lhes iam fornecendo, não conseguiu descobrir o sítio...
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt
De pestinha_girl a 2 de Novembro de 2006 às 16:24
Acho muito importante falar sobre estes assuntos os bombeiros merecem o apoio de todos :D bom post
De paraquedista a 2 de Novembro de 2006 às 17:30
Sem dúvida "Estrelinha", que recebeste um manifesto bem interessante para as pessoas, algumas pelo menos, reflectirem um pouco no assunto, bombeiros. Fica bem e desejo-te boa sorte.
De commonsense a 2 de Novembro de 2006 às 21:56
Passei por aqui, li e gostei. É importante que se escrevam coisas importantes sobre pessoas importantes. Parabéns pelo lembrança. Nunca ninguém se lembra deles, a não ser depois da casa queimada, para dizer mal. Continua e não te canses, que tens razão.
De Jofre Alves a 3 de Novembro de 2006 às 12:01
Blogue duma estética irrepreensível, comprometido com a beleza da vida, a merecer mais e constantes visitas no futuro. Gostei imenso desta página elegante e assunto interessante. Bom fim-de-semana.
De Ju a 3 de Novembro de 2006 às 13:46
É engraçado como os bombeiros são tão pouco lembrados...Pessoas que arriscam suas vidas para salvar as nossas...E não são importantes apenas quando estão casas em chamas,em acidentes de qual quer natureza também são requisitados...
Parabéns pela lembrança dos anjos de fogo!
Aceite o meu award e tenha um final de semana esplêndido =]

De gaivota da ria a 4 de Novembro de 2006 às 01:57
Nunca é demais homenagear os bombeiros. É uma das profissões que mais merecem o nosso respeito e que tantas vezes não se lhes dá o devido valor.
Os bombeiros estão sempre de parabéns por aquilo que valem.
De Lili a 4 de Novembro de 2006 às 12:42
Ola Tete!

O teu blog ta mt giro!

Continua, agr eu vou vir comentar.

Xau
beijito
De Anónimo a 21 de Novembro de 2006 às 18:44
ola... passei por aki por akaso!!! este poema de um desejo de umbombeiro e bem verdade... e digo isto purk ja passei por mts situaçoes iguais...
eu adoro os bombeiros! sao simplesmente a minha vida!!! sentirmunos util a alguem e mt bom!!! as corputaçoes de bombeiros sao mt importantes para a sociedade, embora mts vezes as pessoas enxem a boca para dizer os bombeiros sao isto ou akilo mas kuando se vêm em situaçoes fudidas que e k la vao para ajudar quem e? nos os bombeiros... k arriacamos a nossa vida por terceiros...
tanto a minha corpuraçao, bombeiros de Gondomar como qualquer outra têm pessoas que estao ali despostas a tudo para ajudar outra k se calhar nunca vimos na vida e k ate dpx do servixo nk mais voltemos a ver!!! mas tamos la sempre!!!
alguma coisa podem adicionar: titasofia7@hotmail.com

comentar estrela

0009fsf9