0003a8z4

 

Março 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
31
0007qwpe
0003c6aa
Perfil

0009wcqzNome: Sofia Silva

0009wcqzSigno: Sagitário

0009wcqzCidade: S. João da Madeira

0009wcqzPais: Portugal

0009wcqzMúsica preferida: Brasileira 

0009wcqzCor preferida: Azul

0009wcqzAnimal preferido: Golfinho

0009wcqzGosto de: Namorar, navegar na net, sair com os amigos...

0009wcqzNão gosto de: Mentiras

0009wcqzSou: Simpática, divertida...



0003bbp8 Leitores online: online
Leitores que já passaram aqui:
contador de visitas
contador de visitas

Que horas são!!

0003d2fw

"Sou feliz, obrigada..."

Páscoa 23 de Março

DIA DA MULHER : ELA É O M...

Desabafo... :(

Olá... Ano Novo Vida NOva...

"Call Girl" Filme de suge...

Parabens!!

Mês de natal...Será??

Colonia de ferias da torr...

Quim Roscas & Zeca Estaci...

Prémio da amizade

Lagrima...

0003effg

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

0003qyay

0003fwxw

 


;
Image Hosted by ImageShack.us
Image Hosted by ImageShack.us





00059e3x.jpg
Diario da Taninha


Facebox_estrela
 

Tou Aqui 42



Alvafaust


kaskaedeskaska

Image Hosted by ImageShack.us





Cantigas de Amigo




Gritos_Mudos


Coura Magazine


Mar.da.Palha

Top Link 


100 Tretas


Cantinho do Igor

versatilidades.jpg

Quase história de amor
 
 
 
 



Ooº ℓιттℓє_αиgєℓ ºoO



A mim ninguem me cala

Os Dias que passam


Analises

Sunshine

#__________ αяαυנα

0003p6y1

O teu prémio




:: LINK-ME ::


0003kc9d








Mariposa









...NOMEAÇOES... 0009qt81










0003he7w
Tânia Mara - Se quizer
Choram as rosas - Bruno e Marrone
Quando a chuva passar - Ivete Sangalo
Fado do encontro - tim e Mariza
blogs SAPO

0003rywp

Terça-feira, 31 de Julho de 2007

Curiosidade...

Paradigmas são valores e "preconceitos" que cada ser humano detém no seu subconsciente. Abaixo segue um texto que pode exemplificar melhor o que é ou como nasce um paradigma.

Como Nasce um Paradigma?

Um grupo de cientistas colocou cinco macacos numa jaula, em cujo centro puseram uma escada e, sobre ela, um cacho de bananas. 

Quando um macaco subia a escada para apanhar as bananas, os cientistas lançavam um jacto de água fria nos que estavam no chão. Depois de certo tempo, quando um macaco ia subir a escada, os outros enchiam-no de pancada. 

Passado mais algum tempo, mais nenhum macaco subia a escada, apesar da tentação das bananas. Então, os cientistas substituíram um dos cinco macacos. A primeira coisa que ele fez foi subir a escada, dela sendo rapidamente retirado pelos outros, que lhe bateram. 

Depois de algumas tareias, o novo integrante do grupo não subia mais a escada. 

Um segundo foi substituído, e o mesmo ocorreu, tendo o primeiro substituto participado, com entusiasmo, na surra ao novato. Um terceiro foi trocado, e repetiu-se o facto. Um quarto e, finalmente, o último dos veteranos foi substituído. 

Os cientistas ficaram, então, com um grupo de cinco macacos que, mesmo nunca tendo tomado um banho frio, continuavam a bater naquele que tentasse chegar às bananas. 

Se fosse possível perguntar a algum deles porque batiam em quem tentasse subir a escada, com certeza a resposta seria: "Não sei, as coisas sempre foram assim por aqui...".

É MAIS FÁCIL DESINTEGRAR UM ÁTOMO DO QUE UM PRECONCEITO" 
Albert Einstein

publicado por _estrelinha_ às 09:40
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Terça-feira, 24 de Julho de 2007

Recordar 3 meses

Hoje dedico este pequeno espacinho mas com muito amor, paz e carinho ao meu marido falecido a precisamente 3 meses...

As saudades cada vez apertam mais, mas sou forte e irei ultrapassar com a força de deus e com todos que me kerem bem. Uma historia real que no mundo de hoje custa muito ultrapassar uma doença que nao se cura facilmente, kd se tem td e derrepente...deus pede para k vamos para junto dele.

 A todos que me visitam um bem haja e um obrigada...

Beijinhos

Sofia Silva

 

sinto-me: saudosa
música: eu sei...
publicado por _estrelinha_ às 06:29
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Terça-feira, 17 de Julho de 2007

Escola Secundária Dr. Serafim Leite "CURSO"

                                           

Escola Secundária Dr. Serafim Leite

  

  0009rk7c  

 

 

Curso de Empregado Comercial

Perfil do Empregado Comercial

 

O/A Empregado/a Comercial é o/a profissional que executa tarefas  relacionadas com a venda de produtos e/ou serviços, em estabelecimentos comerciais, de acordo com os procedimentos pré-estabelecidos, tendo em vista a satisfação dos clientes.

 

Algumas das actividades fundamentais a desempenhar pelo empregado comercial são:

§        Participar no controlo quantitativo e qualitativo de produtos, e proceder à sua armazenagem ;

§        Arrumar o espaço de venda, expondo e repondo os produtos/informação, e mantendo as condições ambientais adequadas;

§        Cumprir procedimentos administrativos referentes à actividade comercial;

§        Acolher clientes e diagnosticar as suas necessidades;

§        Processar a venda de produtos/serviços;

§       

 

TENS MAIS DE 18 ANOS?

 

QUERES FAZER O 7º, 8º E 9º,

EM DOIS ANOS?

 

INSCREVE-TE JÁ!

0009swdq 

 

 

ESCOLA SECUNDÁRIA Dr. SERAFIM LEITE

 

Rua Manuel Luís da Costa | 3700-179 S. João da Madeira

Telefone: 256837550

http://www.esec-serafim-leite.org

secserafim@mail.telepac.pt

 

publicado por _estrelinha_ às 10:24
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|
Segunda-feira, 9 de Julho de 2007

A cruz

cruz.jpg





Antônio chegou ao paraíso e foi direto falar com São Pedro.
- São Pedro, a minha vida na terra foi muito difícil. A minha cruz era muito grande e o fardo muito pesado.
Reclamava demais de sua vida e dos problemas. Tempos difíceis, dizia ele.
São Pedro respondeu:
- Filho, sua jornada na terra ainda não acabou. Terá que retornar, para cumprir o restante dos mandamentos do Senhor.
Antônio, espantado, falou:
- São Pedro, achei que já estava diante do paraíso. Tenho que voltar par cumprir mais tarefas? Carregar de novo a minha cruz?
- Sim, respondeu São Pedro. Mas, poderá entrar naquele quarto ali e escolher uma nova cruz.
Assim que Antônio chegou ao quarto, viu muitas cruzes de diversos tamanhos e com pesos variados. Havia cruzes que não se conseguia nem ver o topo de tão alta.
Outras eram tão largas, mas tão largas, que 100 homens não conseguiriam abraçá-las. Eram milhares de cruzes de ferro, de pedra, de madeira, de todos os tipos e cores.
Antônio, então, avistou num cantinho do quarto uma cruz pequenina, feita de madeira leve e toda pintada de branco.
Antônio apanhou a pequena cruz e disse a São Pedro.
- São Pedro, esta é a cruz que eu escolhi para voltar a terra.
E São Pedro lhe respondeu:
- Meu filho, esta cruz que você escolheu, é a cruz que você sempre carregou pelo mundo afora.

Moral da história:
Antes de reclamar da vida, olhe para lado, veja o tamanho da cruz que o seu semelhante mais próximo está carregando e tire as suas próprias conclusões.


ana maria braga
publicado por _estrelinha_ às 10:08
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Terça-feira, 3 de Julho de 2007

Última página

fimtarde.jpg



Mais uma vez o tempo me assusta.
Passa afobado pelo meu dia,
Atropela minha hora,
Despreza minha agenda.
Corre prepotente
A disputar lugar com a ventania.
O tempo envelhece, não se emenda.

Deveria haver algum decreto
Que obrigasse o tempo a desacelerar
E a respeitar meu projeto.
Só assim, eu daria conta
Dos livros que vão se empilhando,
Das melodias que estão me aguardando,
Das saudades que venho sentindo,
Das verdades que ando mentindo, das promessas que venho esquecendo,
Dos impulsos que sigo contendo,
Dos prazeres que chegam partindo,
Dos receios que partem voltando.

Agora, que redijo a página final,
Percebo o tanto de caminho percorrido
Ao impulso da hora que vai me acelerando.
Apesar do tempo, e sua pressa desleal,
Agradeço a Deus por ter vivido,
Amanhecer e continuar teimando...

Poema do livro "Chão de Vento", de Flora Figueiredo.
publicado por _estrelinha_ às 16:07
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
0009fsf9